segunda-feira, 12 de dezembro de 2011



Gosto de me ver refletida nos olhos teus.
Gosto de ler sorrisos e de desviar lágrimas.
Gosto do sol das seis, bem alaranjado.
Gosto de procurar a minha estrela, escolhida a dedo.
Gosto do carinho do vento das cócegas na alma e das borboletas no estômago.
Gosto do que ficou do que é e do que virá.
Gosto do que começa com fé, de pequenas coragens, e do verbo seguir.
Gosto da dança de dentro, do ritmo das horas e do gingado do tempo.
Gosto de sonhos amanhecendo e urgências dormindo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe o seu comentario e volte sempre que quiser ! A sua opinião é livre mas não aceito insultos às minhas postagens e fotos, e se eu escrever errado ou pegar informações com direitos autorais aviise de forma respeitável.
Obrigada !

Em cada sorriso...

Postagens populares