sábado, 13 de agosto de 2011

Reeducação Alimentar



Muito se ouve falar em reeducação alimentar, mas você sabe o que é isso exatamente?

O principal conceito que devemos ter em mente é que a reeducação alimentar não consiste em deixar de comer tudo o que se gosta e passar a comer somente frutas, verduras, legumes e alimentos light. Muito pelo contrário: é aprender que você pode comer tudo, mas sem exageros e de forma equilibrada.

Qual é o objetivo da reeducação alimentar?
Perda ou ganho de peso
Controle do colesterol e glicose
Controle de doenças que exijam mudança na alimentação
Manter o peso
Ter uma qualidade de vida mais saudável
Melhorar o desempenho físico e mental
Controlar o estresse

Mudança de Hábito
Mudar hábitos não é fácil, mas é possível. Essa mudança deve ser entendida como um processo, com erros, acertos, novos erros e novos acertos, em busca do equilíbrio, sem preconceitos ou culpas sobre o que se come, apostando no bem-estar e no prazer.

Essa mudança deve ser lenta e gradual. Nada de proibições

Quanto maior o fracionamento das refeições, menor o número de calorias absorvidas. O intervalo ideal entre uma refeição e outra é de aproximadamente 3 horas e o número de refeições deverá ser de 6 ao dia.
Abuse das fibras, verduras, legumes, alimentos integrais e frutas. Dê preferência às frutas inteiras e com bagaço. Elas contêm mais fibras e assimila melhor os nutrientes.
Não se esqueça da ingestão de água e sucos naturais.
Cuidado com o excesso de frituras e doces.
Coma sempre em pouca quantidade e de preferência utilize um cardápio variado.
Exercícios físicos pelo menos 3 vezes na semana.
A reeducação alimentar é o método mais saudável e eficaz para perder ou manter peso. Come-se de tudo, porém em quantidade adequada a cada indivíduo. Para os abusos, recorre-se às compensações. Requer disciplina e persistência, mas, como qualquer hábito, uma vez adquirido, enraíza-se para sempre.

Associar reeducação alimentar e aumento na prática de exercícios físicos é absolutamente bem-vindo. Aliás, está comprovado que melhora e prolonga a qualidade de vida.

Lembre-se: você é o que come. Portanto, vamos prestar atenção ao que colocamos em nosso prato no dia-a-dia. Trata-se de uma autoeducação diária com agradáveis compensações no futuro
http://www.belezaesaude.dae.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe o seu comentario e volte sempre que quiser ! A sua opinião é livre mas não aceito insultos às minhas postagens e fotos, e se eu escrever errado ou pegar informações com direitos autorais aviise de forma respeitável.
Obrigada !

Em cada sorriso...

Postagens populares